Wiki ABRAGO
Advertisement

Sobre mim[]

Meu nome é Éverson Batista da Silva, nascido em 1982 em Ituverava-SP. Comecei a jogar Go por volta de 2003~2004, aprendi com um amigo que assistiu ao anime Hikaru no Go e depois entrei para o Clube de Go da USP de São Carlos. Hoje faço parte de algumas listas de discussões de Go e contribuo com trabalhos voluntários para a ABRAGO (Associação Brasileira de Go).

Eu jogo xadrez e, apesar de não ser forte, gosto bastante deste jogo. Mas o Go possui algo que eu ainda não encontrei nos outros jogos. Não sei se é o sistema de ranking e handicap. Ou se é pelo fato de conhecer vários outros jogadores. Ou pela oportunidade de participar de torneios internacionais pela internet. Ou pela filosofia oriental e auto-conhecimento que o jogo proporciona. Não sei qual seria destes motivos, mas um que com certeza chamou a minha atenção se chama... Tengen!

Tengen é o nome em japonês do ponto central do tabuleiro de Go, em chinês ele se chama Tianyuan e em coreano Chunwon. Também é o nome do título de alguns dos mais prestigiados torneios de Go no oriente. Se você procurar por Tengen na internet, também irá encontrar um anime (Tengen Guren Toppa Langan), a bankai do capitão cachorro de Bleach (Komamura, acho... XD), o nome de uma empresa que faz jogos eletrônicos, e etc.

Ouvi rumores de que antigamente era proibido começar jogando no Tengen, porque quem sabia fazer essa jogada era invencível, tanto que acreditavam que se Deus jogasse Go, ele começaria no Tengen mesmo se fosse brancas. Com o passar dos tempos e as teorias moderna de Go, de tomar posse primeiro dos cantos, depois laterais e por último batalhar pelo centro, começar pelo Tengen caiu em desuso. Geralmente começar pelo Tengen significa que você está menosprezando o adversário "jogando seu primeiro lance fora" ou que simplesmente é um idiota por não saber do conceito mais básico que citei acima (cantos-laterais e centro).

Mas se você nunca começou pelo Tengen, te convido a tentar, tente jogar duas partidas sem handicap, contra um jogador de mesma força. Em uma seja pretas e comece pelo Tengen e na outra partida, como brancas, comece pelo Tengen também, de preferência jogue contra jogadores diferentes e que você não conheça. Sem eu perceber, já fazem uns 8 anos que jogo Tengen, pena que não jogo com frequência devido as prioridades do dia a dia, mas mesmo assim eu não pude entender a essência do Tengen.

O Tengen parece se comportar bem em partidas com várias corridas de captura, nelas ele auxilia tanto a matar grupos do adversário quanto a ajudar seus próprios grupos a correrem para o centro e viver. Existem várias escadas em direção ao centro que são quebradas pelo Tengen e isso abre a possibilidade de usar vários Josekis que normalmente não podem ser usados. Outro ponto é jogar por influência/moyos com o Tengen, mas eles são fáceis de serem invadidos ou reduzidos, é necessário certa habilidade para usar esta tática.

Existe um artigo sobre um jogador profissional chamado Kubomatsu. Ele usou o Tengen durante um tempo em suas partidas profissionais e mesmo em partidas valendo títulos. Ele disse que não pode atribuir ao Tengen a causa de suas derrotas e que o Tengen lhe proporcionou várias partidas interessantes/divertidas. Sua conclusão é de que o Tengen não é um lance ruim, mas leva a partidas complexas, por isso, para evitar problemas, a maioria dos jogadores profissionais não usa Tengen. Eu estou concordando com este ponto pois tenho uma conta na qual não começo pelo Tengen e a % de vitória com e sem Tengen é praticamente a mesma, e o ranking das duas contas também é o mesmo.

Eu jogo no KGS e IGS com as seguintes contas: everson, tengen, tengensan, phoenixsei, chunwon e tianyuan. Vejo vocês lá! =D

Minhas Páginas favoritas[]

  • Adicione links para suas páginas favoritas da wikia!
  • Pagina favorita #2
  • Pagina favorita #3
Advertisement